Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dona Pavlova

Este é um blog sobre tudo e sobre todos... Culinária, Fitness, Moda, Viagens, Desporto, Atualidade, Animais, Ensino, Entretenimento, Fotografia, etc...

01
Dez15

O Banco Alimentar - a minha experiência

Dona Pavlova

banco_alimentar.jpg

 

Parece que somos obrigados a dar alguma coisa ao Banco Alimentar e essa ideia e essa presunção levou-me a responder ao Sr Voluntário, que estava a pedir na porta do hipermercado no domingo, de forma que não estou habituada a responder. 

A história foi esta:

Vivo mesmo ao lado de um hipermercado, isto quer dizer que quando me falta alguma coisa é só atravessar a estrada e comprar. Pois que no sábado, fui ao dito cujo com a minha mãe e fomos fazer as compras da semana para ela e como costumo dar sempre alimentos para estas iniciativas, lá peguei nos sacos que estavam a dar à entrada e os enchi de vários produtos. Até dei mais do que habitualmente dou, mas até aí tudo bem... À saída, entreguei os sacos e fui à minha vidinha.

No domingo, para fazer uma sobremesa faltaram-me as natas. Então fui novamente ao hipermercado... é claro que me iam a dar outro saco, mas eu disse que já tinha dado ontem. À saída, numa outra porta, mesmo quando ia a passar pelos voluntários, como viram que eu não trazia nenhum saco, um deles, com ar de arrogante, dirigiu-me a seguinte "boca":

- Muito obrigado pela sua contribuição.

Saltou-me a tampa... ainda lhe perguntei se estava a falar para mim, e como ele disse que sim, disse-lhe que as pessoas não eram obrigadas a dar seja o que for, assim como ele também não era obrigado a estar ali. Depois de uma troca de palavras é que lhe disse que já tinha dado no dia anterior e que certamente até já tinha contribuído mais do que ele (sim, também já fiz voluntariado). Virei as costas e fui-me embora.

 

Eu, por acaso, até dou para estas causas, mas ninguém é obrigado a dar nada! E muito menos a ouvir estas "indiretas"...

Outro aspeto que me tenho apercebido é que agora é moda fazer voluntariado (e fico-me por aqui porque muito mais havia a dizer).

Por isso, Sr. voluntário que me mandou a "boca" e a tantos outros:

 

 Se estão de mau humor, fiquem em casa... não se façam de voluntários só para parecer bem, pois quem perde é a causa que estão a ajudar.

 

Sinceramente, fiquem sem vontade de voltar a contribuir... 

 

16 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub