Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Este é um blog sobre tudo e sobre todos... Culinária, Fitness, Moda, Viagens, Desporto, Atualidade, Animais, Ensino, Entretenimento, Fotografia, etc...

Desafio de escrita dos pássaros #2.2

É que isso de médicos, nunca fiando...

Captura de ecrã 2020-02-07, às 10.57.40.png

 

- Sr. Altivo, está com 50 anos e está na altura de fazer o tão desejado exame. – disse a médica de família.

- Que exame, sra Doutora?

- O exame para ver se está tudo bem com a  sua próstata. Deve ser feito aos 50 anos.

- E como é que é feito? – perguntou inquieto o Sr. Altivo.

- Não se preocupe, apesar de ser um dos mais temíveis exames feitos pelos homens, é indolor e rápido. Não é nada de especial e não tem nada a temer. Venha cá no dia 7 e fazemos logo nesse dia.

- Está bem, sra Doutora.

O Altivo foi para casa e disse à Josefina, sua mulher, que tinha que ir fazer um exame à próstata, de rotina, no dia 7, mas que a doutora lhe disse que não era nada de especial.

- E se gostas, Altivo? Vai ser o nosso fim... – disse a Josefina quase a chorar.

- Se gosto do quê? Do exame?

- Ó homem,  então a doutora não te explicou que te vai meter o dedo no cú?

- O quê? Aqui ninguém mete nada. Ela só disse que era indolor e que não custava nada... – respondeu o Altivo apreensivo.

- Olha, não penses mais nisso, pode ser que seja outra coisa.

- Outra coisa como?!?!

-  Outra coisa, outro exame diferente. Não te apoquentes e não penses mais nisso.

O dia 7 chegou e o Altivo lá foi à doutora.

- Bom dia, Sr Altivo, pronto para o exame?

- Bom dia sra Doutora, como é o exame?

- Não me diga que nunca ouviu falar dele? Eu vou fazer o teste do toque retal.

- Com o quê? – perguntou o Altivo já de pé e pronto para fugir.

-É só o meu dedo, e como pode ver nem é grosso, parece um palito. Prometo que não vai sentir nada. Quando der conta, “já o lá tinha”... Vamos lá começar, dispa-se e coloque-se de lado. Eu vou contar até três e enfio... Um... Dois...

- Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, que bom!!! Posso cá vir todos os dias?

17 comentários

Comentar post

Pág. 1/2