Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dona Pavlova

Este é um blog sobre tudo e sobre todos... Culinária, Fitness, Moda, Viagens, Desporto, Atualidade, Animais, Ensino, Entretenimento, Fotografia, etc...

07
Fev17

Corrida aos Óscares #4: Lion

Dona Pavlova

Mais um filme visto para a corrida aos Óscares. No fim de semana avisei o G: "vou ver o Lion, um filme dramático onde se chora do princípio ao fim, por isso se me vires chorar ignora..." Mas afinal, não estava muito sentimental nem muito disposta a chorar nesse dia, ou seja, não derramei uma última lágrima!

lion.jpg

 

É um bom drama baseado numa história real que está nomeado para 6 Óscares: Melhor Filme; Melhor Ator Secundário; Melhor Atriz Secundária; Melhor Argumento Adaptado; Melhor Fotografia e Melhor Banda Sonora. Ilustra muito bem a Índia e a história tem por base os temas da família, das crianças orfãos e a realidade da infância indiana (80 mil crianças desaparem por ano na Índia). Está muito bem contada e realizada e apela ao sentimentalismo do espectador, sem ser demasiado cliché.

 

sa.jpg

 

Dev Patel (Saroo) está muito bem e recomenda-se (tem um dos mais bonitos sorrisos que já vi), mas penso que a criança  que interpreta o Saroo (Sunny Pawar) é uma figura de destaque neste filme, aqueles olhos, aquele sofrimento e angústia consegue transparecer cá para fora. Que ótimo ator e que talento nato... 

saroo.png

 

Já a veterana Nicole Kidman é capaz de ganhar o desejado Óscar, esteve muito bem e interpretou com mestria a sua personagem.

nicole.jpg

 

Os realizadores conseguiram captar muito bem a essência da Índia e da Austrália através de imagens impressionantes que demonstram as características únicas destes locais. Já a Banda Sonora enquadra-se perfeitamente e muito bem ao estilo indiano.

Parece que é um sério candidato ao Óscar de Melhor Filme. ;)

 

Sinopse: Quando tinha apenas cinco anos, o indiano Saroo (Dev Patel) se perdeu do irmão numa estação de trem de Calcutá e enfretou grandes desafios para sobreviver sozinho até de ser adotado por uma família australiana. Incapaz de superar o que aconteceu, aos 25 anos ele decide buscar uma forma de reencontrar sua família biológica.

 

Trailer:

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub