Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dona Pavlova

Este é um blog sobre tudo e sobre todos... Culinária, Fitness, Moda, Viagens, Desporto, Atualidade, Animais, Ensino, Entretenimento, Fotografia, etc...

17
Abr15

O que não devemos dar aos nossos amigos

Dona Pavlova

Eu já sabia de alguns alimentos que não devemos dar aos nossos CÃES, mas não conhecia todas estas restrições. Tento alimentar o Luka só com ração, mas ele é um comilão e infelizmente gosta de tudo... não tem má boca ;)

Mas depois de ler isto,só tenho a dizer uma coisa:

 

- Luka, tenho muita pena, mas acabaram-se os docinhos e as guloseimas... e escusas de chorar que não daqui não levas mais nada!

 

Fiquem também a saber, como eu fiquei, quais os alimentos proibidos e que não devemos dar aos nossos cães:

 

chocolate.png

O chocolate, assim como todos os derivados do cacau, contém uma proteína chamada teobromina, esta proteína  similar à cafeína é prejudicial aos cães.  A sua ingestão, mesmo que em pequenas quantidades, pode provocar vómitos, diarreia, sede excessiva, além de tremores, convulsões e alteração nos batimentos cardíacos.

alcool.png

 Como acontece com as pessoas, o álcool diminui as funções cerebrais. Porém, os cães são mais sensíveis ao álcool e além disso tem corpos menores, onde pequenas quantidades de álcool podem levar cães pequenos ao estado de coma. Podem também causar vómitos, diarreia, alterações no sistema nervoso central, problemas de coordenação, dificuldade respiratória e até a morte.

uvas.png As uvas ou as passas estão associadas à insuficiência renal precoce, vómitos e podem deixar o cão bastante apático.

noz.jpg

A noz de macadâmia contém uma toxina desconhecida que pode afectar os músculos, o sistema digestivo e o sistema nervoso dos cães. Já foram registados casos de tremores e de paralisia nas patas traseiras dos cães após o seu consumo..

alho.png

Se forem ingeridos em grandes quantidades, o alho e a cebola destroem as células vermelhas do sangue dos cães e pode causar anemia, intoxicações, falência renal, fraqueza, vómitos, apatia, falta de apetite e de ar.

abacate.png

O abacate contém uma substância tóxica chamada persina, que  pode causar problemas gastrointestinais. Em 2009 este alimento, tanto em sementes, cascas, folhas e frutos, entrou para a lista da ASPCA como sendo um dos mais perigosos para os cães.

cafe.png

O café contem componentes perigosos chamados xantinas que podem causar danos no sistema nervoso e sistema urinário, além de ser um estimulante cardíaco. A cafeína presente no café acelera o coração, podendo causar taquicardia e até mesmo ataques cardíacos, quanto menor for o cachorro, maiores os riscos. A cafeína também pode ser encontrada nos chás, cacau, chocolate e bebidas energéticas.

fruta.png

 

Geralmente o problema não são as frutas, mas sim, as suas sementes e os seus caroços, isto porque os caroços presentes em algumas frutas podem causar uma inflamação no intestino delgado dos cães. Além disso, as sementes também podem causar obstruções, hemorragias e até envenenamento.

doces.jpg

 

Os doces são muito boas mas são muito perigosas para os animais. Estes produtos contêm xilitol, uma substância responsável pelo aumento da insulina que circula no corpo do cão, o que pode levar a uma insuficiência hepática. Os sintomas iniciais incluem vómitos, letargia e perda de coordenação.

 

gordura.jpg

A gordura existente em alguns tipos de comidas podem provocar problemas gastrointestinais e, em alguns casos pode culminar  numa pancreatite. Alguns exemplos destas comidas são os queijos, a gordura anima, a pizza, hambúrgueres, etc..

rucula.png

A Rúcula causa algumas alterações hormonais e poderá mesmo levar ao aborto se se tratar de uma cadela grávida.

cogumelos.png

 

Os cogumelos possuem várias substâncias tóxicas que levam à insuficiência renal e hepática, dor na barriga, vómito, diarreia, delírio, alucinação, convulsão e morte.

osso.jpg

 Os ossos das aves, principalmente, nunca devem ser dados aos cães, pois são pequenos e fáceis de engolir, o que pode causar engasgos e, quando o cão morde o osso, formam-se pontas agudas que, ao serem engolidas, podem perfurar os órgãos e causar hemorragias e graves infecções, levando à morte do animal. Além disso, por serem menores, os ossos de aves podem ficar presos na garganta

leite.png

Os lacticínios só são úteis quando os nossos animais são pequenos. Em adultos estes alimentos apenas os prejudicará podendo levar a sintomas de diarreia, pedras nos rins e problemas digestivos. O iogurte e o queijo fresco poderá ser dado de vez em quando como um biscoito.

sal.png

 

Se costuma cozinhar a comida dos seus animais não utilize sal. Este poderá provocar vómitos, diarreia, depressão, tremores, febre, convulsões ou até mesmo morte.

 

Meninos, isto é para o vosso bem!!

12
Mar15

O Surdinho tem acne

Dona Pavlova

O que eu fui descobrir.... que o meu amigo Surdinho tem acne.

Primeiro, aqui fica uma fotografia dele ontem no passeio pela ecopista.

 

surdinho.jpg

 

Depois, vamos ao acne.

De vez em quando reparamos que o Surdinho tem uns pontos negros no queixo. Nunca demos grande importância porque assim como aparecem, desaparecem a seguir. Sempre pensámos que era sujo e que se notava porque ele é muito branco.

Ontem encontrei isto e fiquei apreensiva.

Resumidamente, parece que a Acne Felina é  bastante comum e caracteriza-se por uns pontos pretos no queixo devido à produção de gordura excessiva. Quando não é tratada, pode levar a infeções graves e, por isso, deve ser tratada. 

Porém, devemos prevenir o seu aparecimento adoptando os seguintes cuidados:

 

Pratinhos de plástico – Seja de comida ou água, o plástico é poroso e acumula bactérias, o que é péssimo para qualquer gato mas especialmente para aqueles que já possuem acne, já que as bactérias se alojam no queixo do animal e agravam o quadro. O ideal são pratinhos de cerâmica e vidro, que devem estar sempre limpinhos.

 

Stress – Além de diminuir a imunidade do animal, o stress aumenta a produção de hormonas. Então brinque muito com seu amigo e enriqueça o ambiente dele, seja com arranhadores, prateleiras ou quebra-cabeças.

 

Problemas hormonais – Mais uma vez como nos humanos, as hormonas afetam a acne dos gatos e casos graves devem receber recomendações veterinárias para controlar a produção hormonal.

 

Limpeza – Já imaginou como eles fazem para limpar o próprio queixo com a língua? É muito difícil, e principalmente se o gato tem pêlos longos. No começo do tratamento, se a acne for grave, pode ser preciso raspar os pêlos do queixo para ajudar com a limpeza e arejamento. Se for uma acne leve, você pode só lavar o queixinho do gato com sabonetes antibióticos específicos para esse fim. Lembre-se de dar petiscos de recompensa sempre que ele deixar você limpá-lo, assim ele se acostuma de uma maneira positiva e a coisa fica menos stressante para todo mundo.

 

Tratamento para casos avançados – Antibióticos, corticóides, gel e pomadas. Só o seu veterinário pode examinar as particularidades do caso do seu gato e recomendar o tratamento correto.

 

 

 

Fiquem atentos à saúde dos nossos amiguinhos!

 

 

Fonte

 

 

17
Fev15

Curiosidades acerca dos Gatos

Dona Pavlova

Aqui ficam algumas curiosidade dos Gatos:

 

1 - As gatas têm vários cios durante o ano e um período de sangramento bastante irregular. Depende também da raça, pois enquanto nos siameses o cio dura 10 dias e pode ocorrer de novo em menos de uma semana, nos persas o sangramento dura poucos dias e ocorre apenas algumas vezes ao ano. Além disso,  as gatas só ovulam na presença de um macho, durante a cópula.

2 - A gestação de um fêmea felina dura apenas dois meses.

3 - Os gatos são capazes de sobreviver a grandes quedas por terem a capacidade mudar a posição durante o voo e caem sempre direitos. Quando eles estão em queda, o cérebro recebe informações dos olhos e do ouvido interno para corrigir a posição, começando pela cabeça e depois o corpo. Durante a queda apresenta reflexos posturais levando à desaceleração corporal e à mudança na superfície do impacto, distribuindo melhor o impacto por todo o corpo.

4 - Os gatos adoram água, mas tem de ser água corrente, como a das torneiras ou do chuveiro.  Não gostam é de banho, já que a limpeza natural do pêlo é feita por eles mesmos, diariamente, lambendo todos os pontos que conseguem alcançar.

5 - Os gatos podem ser amestrados, mas é mais fácil ensiná-los a corrigir atitudes do que ensinar truques como dar a patinha e correr atrás de um brinquedo.

6 - Os gatos conseguem aproveitar uma quantidade mínima de luz para ver à noite, mas num ambiente totalmente escuro eles não conseguem ver nada. Esta visão apurada ocorre por causa de uma camada especial de células que fica atrás da retina que reflete a luz fazendo com que ela passe mais uma vez pelas células receptoras de luz, melhorando o aproveitamento desta, mesmo que em pequena quantidade.

7- Os gatos são capazes de emitir mais de 100 sons diferentes, sendo esta capacidade totalmente extintiva. Ele  pode miar de formas diferentes querendo comunicar com outros animais ou seres humanos. O ronronar ocorre normalmente quando o gato está muito relaxado, já o bufar é visto em animais aventureiros, com medo e que em algumas situações podem partir para o ataque.

8 - Um dos gatos mais famosos do mundo é o Garfield, que gosta de comer e dormir e é muito preguiçoso. Uma caricatura que se aproxima da realidade, já que os gatos podem dormir até 18 horas por dia.

9 - Está comprovado que gatos domésticos vivem muito mais do que gatos com acesso à rua.

10 - Os gatos têm cinco dedos em cada uma das suas patas dianteiras e somente quatro nas patas traseiras.

11 - Os gatos são identificados pelo seu nariz. Os seres humanos têm impressões digitais únicas e o nariz do gato é a sua "impressão digital".

12 - Os bigodes do gato caem periodicamente e voltam a nascer. O seu desaparecimento afeta os movimento e o sentido de orientação do animal.

13 - Os gatos respondem mais a vozes do sexo feminino do que masculino masculino, porque a voz da mulher é mais aguda.

 14 - Os gatos puros brancos com olhos azuis são muitas vezes propensos à surdez.

15 - Os gatos usam os bigodes para medirem as distâncias.

16 - Os gatos passam cerca de 30% do tempo a limparem-se e pentearem-se.

17 - Um gato salta 5 vezes a sua altura.

18 - Um gato tem 11,6% mais ossos do que um ser humano.

19 - Um gato tem cerca de menos 23% de músculos do que um ser humano.

20 - Um gato tem mais vértebras na sua coluna do que um ser humano.

21 - Cada orelha de um gato tem 32 músculos, enquanto a de um ser humano apenas tem 6.

22 - O campo de visão de um gato é cerca de 185 graus e a sua visão periférica é cerca de 285 graus.

23 - Um gatinho bebé abre usualmente os seus olhos por volta dos 7 a 10 dias de idade.

24 - Um gatinho começa a ouvir cerca das 2 semanas de vida.

25 - Os gatos têm 24 bigodes.

26 - Os gatos têm 30 dentes, enquanto os cães têm 42 e os humanos 32.

27 - Um gato pode correr a 50 km por hora.

28 - O pulso normal de um gato é 2 vezes mais rápido que o humano.

29 - Uma gata fêmea pode atingir a sua maturidade sexual entre 6 a 10 meses de idade.

 

 

Fonte

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub