Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Qual é o significado de algumas expressões que utilizamos no nosso dia-a-dia:

TIRAR O CAVALO DA CHUVA

Podes tirar o cavalo da chuva porque não vais sair hoje! No século XIX, quando uma visita iria ser breve, ela deixava o cavalo ao relento em frente à casa do anfitrião e se fosse demorar, colocava o cavalo nos fundos da casa, num lugar protegido da chuva e do sol. Contudo, o convidado só poderia pôr o animal protegido da chuva se o anfitrião percebesse que a visita estava boa e dissesse: "pode tirar o cavalo da chuva".  Depois disso, a expressão passou a significar a desistência de alguma coisa.

GUARDAR A SETE CHAVES

No século XIII, os reis de Portugal adotaram um sistema de arquivamento de jóias e documentos importantes da corte através de um baú que possuía quatro fechaduras, sendo que cada chave era distribuída a um alto funcionário do reino. Portanto eram apenas quatro chaves. O número sete passou a ser utilizado devido ao valor místico que lhe é atribuído desde a época das religiões primitivas. A partir daí começou-se a utilizar o termo "guardar a sete chaves" para designar algo muito bem guardado.

OK

A expressão inglesa "OK" (okay), que é mundialmente conhecida para significar algo que está tudo bem, teve a sua origem na Guerra Civil Americana. Durante a guerra, quando os soldados voltavam para as bases sem nenhuma morte entre a tropa, escreviam numa placa "0 killed" (nenhum morto), expressando sua grande satisfação, daí surgiu o termo "OK".

ONDE JUDAS PERDEU AS BOTAS

Existe uma história não comprovada de que após trair Jesus, Judas enforcou-se  numa árvore sem nada nos pés, já que havia posto o dinheiro que ganhou por entregar Jesus dentro de suas botas. Quando os soldados viram que Judas estava sem as botas saíram em busca delas e do dinheiro da traição. Nunca ninguém ficou a saber se acharam as botas de Judas. A partir daí surgiu a expressão, usada para designar um lugar distante, desconhecido e inacessível.

PENSAR NA MORTE DA BEZERRA

A história mais aceitável para explicar a origem do termo é proveniente das tradições hebraicas, onde os bezerros eram sacrificados para Deus como forma de redenção dos pecados. Um filho do rei Absalão tinha grande apego a uma bezerra que foi sacrificada. Assim, após o animal morrer, ele ficou a lamentar-se e a pensar na morte da bezerra. Após alguns meses o garoto morreu.

PARA INGLÊS VER
A expressão surgiu por volta de 1830, quando a Inglaterra exigiu que o Brasil aprovasse leis que impedissem o tráfico de escravos. No entanto, todos sabiam que essas leis não seriam cumpridas, assim, essas leis eram  criadas apenas "para inglês ver". Daí surgiu o termo.

O PIOR CEGO É O QUE NÃO QUER VER

Em 1647, em Nîmes, na França, na universidade local, o doutor Vicente de Paul D`Argente fez o primeiro transplante de córnea num aldeão de nome Nagel.  Foi um sucesso da medicina da época, menos para Nagel, que assim que passou a enxergar ficou horrorizado com o mundo que via. Disse que o mundo que ele imaginava era muito melhor. Pediu ao cirurgião que arrancasse os  seus olhos. O caso foi acabar no tribunal de Paris e no Vaticano. Nagel ganhou a causa e entrou para história como o cego que não quis ver.

ANDAR À TOA

Toa é a corda com que uma embarcação reboca a outra. Um navio que está à toa é o que não tem leme nem rumo, indo para onde o navio que o reboca determinar.

 

QUEM NÃO TEM CÃO, CAÇA COM  O GATO

Na verdade, a expressão, com o passar dos anos, adulterou-se. Inicialmente dizia-se quem não tem cão caça como gato, ou seja, esgueirando-se, astutamente, traiçoeiramente, como fazem os gatos.

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

Imagem de perfil

De Maribel Maia a 15.03.2016 às 14:26

Também gosto do 'Esticar o pernil'
Imagem de perfil

De Dona Pavlova a 15.03.2016 às 19:24

Vou já pesquisar o significado dessa... ;)
Imagem de perfil

De Maribel Maia a 16.03.2016 às 14:33

É o mesmo que 'bater as botas'....
Imagem de perfil

De A Caracol a 15.03.2016 às 14:43

Beeeem, a quantidade de coisas novas que aprendi por aqui hoje!
Não fazia ideia de nenhuma... Gostei muito do OK, pensei que fosse algo mais banal, nunca pensei que tivesse tanto significado!
Imagem de perfil

De Dona Pavlova a 15.03.2016 às 19:24

É para isso que também cá estamos ;)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D